Publicado por Redação

Essa planta, que tem o nome científico de Crataegus oxyacantha, é utilizada há séculos pelas civilizações antigas como alimento. Ela é originária da Europa, Ásia e América do Norte.

Atualmente, essa espécie é muito utilizada por pessoas que possuem problemas cardíacas. Para fins medicinais são utilizadas as folhas e flores. Os ramos possuem partes duras e espinhosas. Há relatos de que eles teriam sido utilizados para fazer a coroa que Cristo carregou durante a crucificação.

Seus princípios ativos são: pigmentos flavónicos, como vitexina, quercetina e rutina; glicosfosceos; protoantocianidinas; vitamina C; ácidos fenólicos; tanino; histamina; aminas e triterpenos, como ácido oleanólico, ursolico e crataegolico.

crataegus

Foto: Pixabay

Por essas substâncias, a Crataegus é considerada diurética, hipotensora, adstringente, febrífuga e antiespasmódica.

Algumas partes da Crataegus são usadas no tratamento de pessoas hipertensas, com taquicardia ou arritmias. Conheça um pouco mais sobre os principais usos da Crataegus.

Benefícios da Crataegus

Doenças do coração

Inúmeros estudos científicos indicam que a Crataegus é indicada para pessoas que possuem problemas de coração e de circulação. Inclusive, podendo atuar na prevenção e não só no alívio dos sintomas.

Os efeitos da planta sobre a saúde cardíaca são no sentido de controlar o ritmo quando o mesmo está acelerado, aumentar a circulação de oxigênio e melhorar a forma com que o órgão bombeia o sangue.

Pressão alta e baixa

Por conta da presença de procianidinas e compostos flavonoides, a Crataegus é indicada para auxiliar a circulação no organismo. As partes indicadas para isso são as flores e as folhas.

Problemas circulatórios

Pessoas que sofrem com aterosclerose ou má circulação periférica também podem amenizar os sintomas ou até prevenir o agravamento. A síndrome de Raynaund, cuja maior característica é a circulação deficiente nas mãos e nos pés, também pode ser amenizada com o consumo da Crataegus.

Apesar de ser extremamente eficiente para doenças cardíacas e problemas de pressão sanguínea, a Crataegus pode causar tontura, vertigem, queixas gástricas, palpitação, fogachos, dispneia, dor de cabeça e taquicardia.

Como usar a Crataegus

Você pode usar os frutos secos contra a diarreia e as folhas e flores podem ser usadas para regular as batidas do coração. Você usar 10g a cada 1 litro.

Você deve ter muito cuidado com as super dosagens e evitar tomar qualquer coisa antes de consultar um médico especialista. Mulheres grávidas, crianças ou idosos com saúde fragilizada não devem consumir a Crataegus, exceto por recomendação médica.

Veja mais!